REGRAS DE INGRESSO E CONDUTA DO DOJO.

Fudo Myo-o (Kami das artes marciais)

“Praticar uma arte marcial tradicional não é seguir a uma religião, mas sim exercitar a educação e o refinamento do espírito. Você não será convidado a aderir a nenhuma doutrina religiosa, mas somente a manter o espírito aberto. Quando se inclina em uma reverência, isto não é um procedimento religioso, mas sim um sinal de respeito ao mesmo espírito de inteligência criativa universal que está com todos nós.”

Para ingressar no DAISHIZEN DOJO, o(a) candidato(a) deve:

  • assistir a uma aula completa no mínimo;
  • agendar uma entrevista;
  • adquirir um DOGI (roupa para a prática);
  • providenciar um atestado médico para a prática de atividade física.

REGRAS DE CONDUTA E ETIQUETA DO DOJO

1 – É responsabilidade de todos manter as regras tradicionais de conduta no DOJO. Este espírito vem do Fundador e deve ser respeitado, honrado e mantido.

2 – É de responsabilidade de todos criar uma atmosfera positiva de harmonia e respeito.

3 – o DOJO não deve ser utilizado para outro fim a que se destina, salvo expressa ordem do Sensei.

4 – A limpeza é uma oração de agradecimento. É dever de todos executar a limpeza física (SOJI) e do coração.

5 – É decisão do Sensei quando ele deve ensinar alguma técnica. Não se compra técnicas. A contribuição mensal é uma pequena parcela para ajudar a pagar as despesas para o local de treinamento e é uma forma muito pequena de demonstrar a gratidão (Kansha) do aluno ao mestre por seus ensinamentos.

6 – Respeitar, respeitar e respeitar. Este é um pensamento contínuo no DOJO.

7 – É um dever moral de todos usarem as técnicas para fins pacíficos, visando sempre construir.

8 – Não deve haver conflito de egos no tatame. Não há espaço para competições de vaidade.

9 – A insolência jamais será tolerada. Devemos ter consciência de nossas limitações.

10 – Cada pessoa têm condições e razões diferentes para treinar. Devemos respeitar suas expectativas.

11 – Jamais deve-se contra argumentar com o professor.

12 – Jamais deixe de fazer a reverência ao Kamiza ao entrar e sair do DOJO.

13 – Respeite seu uniforme de treino (DOGI). Ele deve estar sempre limpo e em boas condições e de aparência.

14 – O DOJO não é uma praia ou clube. Sente-se sempre em seiza ou com as pernas cruzadas à frente, no estilo japonês, caso tenha problemas no joelho.

15 – Quando o Sensei demonstra uma técnica, fique sempre em seiza. Após a explicação, faça uma reverência e comece imediatamente a praticar.

16 – Quando o final de uma técnica é assinalado, cumprimente o parceiro e vá o mais rápido possível para o seu lugar de início da aula.

17 – Se for absolutamente necessário perguntar algo ao Sensei, vá até ele. Não o chame para si.

18 – Respeite os alunos mais experimentados (senpai). Jamais discuta se as técnicas estão erradas ou não.

19 – Se você não é YUDANSHA (faixa preta), não corrija ninguém.

20 – Evite conversar no tatame. Arte marcial é experiência e precisa de concentração.

21 – Não se deve usar jóias (pulseiras, relógios, anéis, piercings, etc), mascar coisas no tatame. Além do corpo, somente se usa o uniforme (DOGI).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *