AIKIDO – Uma breve introdução.

O aikido é um BUDO concebido por Morihei Ueshiba (1883-1969), conhecido como O-Sensei (Grande Mestre), que concentrou nele toda a essência do conjunto de artes marciais japonesas.

Morihei Ueshiba (1883-1969)

Morihei Ueshiba nasceu em Tanabe, Wakayama e desde cedo mostrou interesse pelas artes marciais. Destre as várias artes marciais que praticou, destacam-se: Kito Ryu, Yagyu Ryu e Daito Ryu Aikijujutsu.

No Daito Ryu Aikijujutsu (arte marcial com mais de 900 anos de história, cuja origem está associada à Yoshimitsu Saburo Shinra, do clã Minamoto), com o mestre Sokaku Takeda (1859-1943), foi onde disse ter aprendido a verdadeira essência do BUDO, originando assim as raízes técnicas do aikido.

Com a morte de seu pai e o encontro com o reverendo Onisaburo Deguchi, líder da religião de raízes xintoístas, Oomoto Kyo (a Grande Origem), inicia a prática do BUDO com um sentido mais espiritual, criando assim os alicerces espirituais do aikido.

Somente em 1942, através de seu filho Kishomaru Ueshiba, o termo aikido é utilizado pela primeira vez e passa a ser difundido para o mundo.

Morihei Ueshiba continuou treinando até o fim de sua vida, onde acabou desenvolvendo o denominando Takemussu Aiki, estágio elevado do aikido onde através do conflito faz-se nascer a energia construtiva que levará a hamonização.

Morihei Ueshiba e o Takemussu Aiki.

“O aikido é o remédio para um mundo doente. Há maldade e desordem no mundo porque as pessoas esqueceram que todas as coisas emanam de uma só fonte. Retorne a essa fonte e deixe para trás os pensamentos egoístas, os desejos mesquinhos e a raiva.

Quando você se preocupa com o ‘bom’ e o ‘ruim’ de seus companheiros, você abre uma porta em seu coração para a malícia entrar. Julgar e criticar os outros, e competir com eles, enfraquece e derrota você.

Sua mente deve estar em harmonia com o funcionamento do Universo; seu corpo deve estar sintonizado como movimento do Universo; o corpo e a mente devem ser uma coisa só, unificados com a atividade do Universo.

Não há competições no aikido. O verdadeiro guerreiro é invencível porque ele, ou ela, não compete com nada. ‘Derrotar’ significa derrotar a mente de contenção que abrigamos em nós.

As técnicas empregam quatro qualidades que refletem a natureza de nosso mundo. Dependendo das circunstâncias, seus movimentos devem ser duros como o diamante, flexíveis como o salgueiro, suavemente fluidos como a água ou tão vazios como o espaço.” (Morihei Ueshiba – 1883-1969).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *